AMIGOS DE PEIXES DESPORTIVOS DO MUNDO

terça-feira, 7 de maio de 2013

A TRUTA DE CLARK - Oncorhynchus clarki (Richardson, 1836)



FAMÍLIA: salmonídeos

LONGEVIDADE: 10 anos

PROFUNDIDADE: 0 - 200m

COMPRIMENTO: 1m

PESO: 18kg

DISTRIBUIÇÃO: Este do Oceano Pacífico, Califórnia e norte dos Estados Unidos.



BIOLOGIA: da variada família das trutas a truta de clark é a única que têm o corpo verde, esta tonalidade combina com um mosqueado de pintas negras que lhe permite uma magnífica camuflagem. Embora a tonalidade possa mudar a única coisa que nunca muda é a meia lua vermelha que se encontra debaixo do maxilar inferior, por vezes também possui uma ligeira linha de côr cobre ao longo do flanco. A forma migratória costeira apresenta um dorso verde e flancos prateados ou verde-azeitona. Esta não é a típica truta de montanha que se pode pescar à mosca com equipamento ligeiro, trata-se de um verdadeiro colosso da família das trutas.


                                                                      Cortesia de:



ALIMENTAÇÃO: muito variada, mas sobertudo de pequenos insectos, larvas, caracóis e ao atingir um estado adulto, qualquer animal do seu habitat.

MÉTODOS DE PESCA: mosca, spinning, à deriva, corrico.

VIDEO: uma pequena amostra da pesca desta truta e dos paraísos onde ela habita.



RECORD IGFA: encontra-se em 18,590kg capturada por John Skimmerhorn no dia 01/12/1925 no lago Pyramid em Nevada, EUA.

CURIOSIDADES: devido à enorme variedade de côres que esta truta consegue adaptar dependendo do habitat, a única côr (vermelha) que sempre permanece é a forma de meia lua que se encontra debaixo do maxilar inferior, daí ser conhecida nos EUA como "red throated" truta de garganta vermelha.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Agradeço todos os comentarios que sejam feitos sobre PEIXES DESPORTIVOS DO MUNDO, sempre que os mesmos tragam ideias positivas e constituam uma mais valia ao blog.

EDITOR

A minha foto

Los que me conocen, saben quien soy...