AMIGOS DE PEIXES DESPORTIVOS DO MUNDO

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

A PAYARA - Hydrolycus scomberoides


FAMÍLIA: cynodonterídeos

LONGEVIDADE: ?

COMPRIMENTO: 117 cm

PESO: 17,8 kg

PROFUNDIDADE: 0-50 mts


DISTRIBUIÇÃO: América do sul, rio Amazonas e afluentes.

BIOLOGIA: encontra-se principalmente em águas rápidas, especialmente ao redor de rápidos e formações rochosas; também em águas profundas onde podem caçar mais facilmente. Existem muitas espécies de payaras. Embora sejam predadores rápidos e ferozes sao mais pequenas. A maioria raramente excede os 2,5 kg. Caçam em cardume e o mais impressionante da sua fisionomia são sem dúvida os seus dentes, especialmente dois caninos proeminentes de cerca de 10-15 cm nas payaras adultas, que apesar de serem tão extravagantes nao incomodam nada, visto que a payara tem duas cavidades no maxilar superior, onde estes caninos encaixam na perfeição. Com uma agressividade extrema, atacam de baixo para cima empalando literamente as suas presas com esses temíveis caninos. Muitas vezes, as presas possuem metade do seu tamanho.
Devido à estrutura da sua boca (puro osso), a payara é muito difícil de fisgar.
Diz-se que se conseguirmos capturar 5 de cada 10 picadas é porque se está a pescar bem! No caso de se optar por uma pesca mais desportiva (com amostras) aconselha-se o uso de amostras de madeira de balsa vistos que estas continuarão a funcionar perfeitamente depois de esburacadas pelos dentes da Payara, enquanto que as de plastico não, porque lhes entrará água pelos orifícios desestabilizando a amostra. A reprodução dá-se nos meses de Novembro-Abril e sobe o rio para a realizar. Isto ocorre quando o peixe alcança cerca de 27 cm de comprimento.
Tambem conhecida como "cachorro ou cachorra" pelo aspecto que tem e a ferocidade dos seus ataques.
                                                                 Cortesia de T. Sakumi



ALIMENTAÇÃO: peixes do seu habitat tais como, lambaris, tuviras e amostras.

MÉTODOS DE PESCA: spinning, mosca, fundo e à bóia.

                              ACONSELHO AS AMOSTRAS PELA DESPORTIVIDADE.

RECORD IGFA: categoria All-Tackle, encontra-se em 17.800 kg capturado por Bill Keelly no dia 10/02/1996 nas cataratas Uraima em Venezuela.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Agradeço todos os comentarios que sejam feitos sobre PEIXES DESPORTIVOS DO MUNDO, sempre que os mesmos tragam ideias positivas e constituam uma mais valia ao blog.

EDITOR

A minha foto

Los que me conocen, saben quien soy...

Arquivo do blogue